Publicidade

Diário Liberdade
Publicidade
Publicidade
Quinta, 25 Janeiro 2018 10:41 Última modificação em Terça, 30 Janeiro 2018 18:01

Justiça brasileira confirma ofensiva reacionária condenando Lula a 12 anos de prisão

Avalie este item
(2 votos)
País: Brasil / Institucional / Fonte: Diário Liberdade

O Tribunal Regional Federal da 4.ª Região (TRF-4) ditou sentença contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva nesta quarta-feira, 24, dentro do processo contra o líder do PT pelo caso triplex.

Com evidente arbitrariedade e vontade de interferir na marcha da política do país, e com sérios questionamentos sobre a falta de base jurídica ou menos ainda de provas, o processo da Lava-Jato caminha para impedir Lula de se candidatar para as eleições previstas para 2018. A grande mobilização popular na cidade onde foi condenado não evitou a sentença de 12 anos de prisão.

Embora caiba recurso, o aumento da pena dos 9 anos da primeira sentença (julho de 2017) para 12 anos de prisão mostra a firmeza com que um sector do grande capital brasileiro quer deixaro social-democrata PT fora do jogo de alternâncias na conformação da governança federal, hoje em mãos do ex-aliado do PT e servidor da grande burguesia mais direitista, Michael Temer.

Ainda reconhecendo que “Triplex não era do Lula”, a punição tenta neutralizar o regresso do ex-presidente à cena política brasileira, confirmando a acusação de "corrupção passiva" em operações de lavagem de dinheiro.

A esquerda brasileira, inclusive a revolucionária e crítica com o PT, repudiou a sentença e a perseguição, que manipula uma suposta "luta contra a corrupção" para garantir que a direita mais dura e liberal mantém o controle das instituições federais brasileiras. De fato, Lula lidera as consultas demoscópicas para a presidência, enquanto a extrema-direita continua situando-se como alternativa em ascenso.

Resta agora comprovar qual será a reação do PT, embora tanto ele como o próprio Lula tenham já repetido a sua adesão ao sistema burguês brasileiro. Entretanto, o novo governo continua a privatizar, retirar direitos sociais e a vender recursos naturais e produtivos do país, com destaque para o petróleo.

Diário Liberdade é um projeto sem fins lucrativos, mas cuja atividade gera uns gastos fixos importantes em hosting, domínios, manutençom e programaçom. Com a tua ajuda, poderemos manter o projeto livre e fazê-lo crescer em conteúdos e funcionalidades.

Doaçom de valor livre:

Microdoaçom de 3 euro:

Adicionar comentário

Diário Liberdade defende a discussom política livre, aberta e fraterna entre as pessoas e as correntes que fam parte da esquerda revolucionária. Porém, nestas páginas nom tenhem cabimento o ataque às entidades ou às pessoas nem o insulto como alegados argumentos. Os comentários serám geridos e, no seu caso, eliminados, consoante esses critérios.
Aviso sobre Dados Pessoais: De conformidade com o estabelecido na Lei Orgánica 15/1999 de Proteçom de Dados de Caráter Pessoal, enviando o teu email estás conforme com a inclusom dos teus dados num arquivo da titularidade da AC Diário Liberdade. O fim desse arquivo é possibilitar a adequada gestom dos comentários. Possues os direitos de acesso, cancelamento, retificaçom e oposiçom desses dados, e podes exercé-los escrevendo para diarioliberdade@gmail.com, indicando no assunto do email "LOPD - Comentários".

Código de segurança
Atualizar

Publicidade
Publicidade

Quem somos | Info legal | Publicidade | Copyleft © 2010 Diário Liberdade.

Contacto: info [arroba] diarioliberdade.org | Telf: (+34) 717714759

Desenhado por Ritech

O Diário Liberdade utiliza cookies para o melhor funcionamento do portal.

O uso deste site implica a aceitaçom do uso das ditas cookies. Podes obter mais informaçom aqui

Aceitar