Publicidade

Diário Liberdade
Sexta, 09 Março 2018 14:32

Viva Marx, o demônio bicentenário!

Em 5 de maio próximo, completa-se o bicentenário de nascimento de Karl Marx.

Publicado em Opiniom Própria
Quarta, 28 Fevereiro 2018 09:38

2018, Ano Marx (II) / Questom de classe

Nas últimas décadas, umha esquerda em descomposiçom, após sucessivas derrotas, engole e regurgita a teoria da decadência das classes sociais.

Publicado em Opiniom Própria

O PCP promove este fim-de-semana na Voz do Operário, em Lisboa, uma conferência que marca a abertura das comemorações do bi-centenário do nascimento de Karl Marx, que este ano se assinalam.

Publicado em Portugal

Completam-se, neste ano, douscentos desde o nascimento de umha figura incontornável na história social do último século e meio.

Publicado em Opiniom Própria

[Michael Heinrich] O jovem Karl Marx é um belo filme, realizado de maneira muito profissional por um admirável diretor de esquerda (o haitiano Raoul Peck) e com uma série de atores realmente bons.

Publicado em Mundo

Para suavizar a árida travessia da leitura de sua maior obra, Marx oferecia alguns oásis literários.

Publicado em Opiniom Própria
Sexta, 24 Novembro 2017 21:34

O Estado contra a humanização

[Alex Agra] Sabemos que o poder político nada mais é do que o poder organizado de uma classe para a opressão de outra1. As Forças Armadas têm um papel fundamental na execução dessa violência porque é ela, em última instância, que faz valer o poder político que o Estado concentra em si. Quando a existência do Estado está ameaçada, isto é, quando sua condição de soberano é ameaçada, são as Forças Armadas que entram em ação (vide 18 de Brumário de Luís Bonaparte). No entanto, cotidianamente, o papel de executar o poder político fica a cargo, é claro, das polícias. São elas que cotidianamente reprimem tudo aquilo que pode ser considerado uma ofensa ao poder político. No entanto, ao contrário do que pensam os adeptos do politicismo, a ameaça à manutenção do poder político não reside em outra coisa senão na sociedade civil. Isso ocorre porque o Estado tem uma relação de dependência em relação à sociedade civil, uma determinação que classificamos, seguindo o caminho de Ivo Tonet2, como “uma dependência ontológica entre fundante e fundado”. Ora, Marx e Engels explicam isso com clareza n’A Ideologia Alemã:

Publicado em Mundo

[Marcelo Dias Carcanholo] Resenha que o prof. Marcelo Dias Carcanholo (UFF) escreveu sobre o filme "O Jovem Karl Marx", de Raoul Peck.

Publicado em Mundo
Segunda, 30 Outubro 2017 09:12

Marx e a esquerda-tricórnio (espanhola)

Até a náusea assistimos a diário à “grande descoberta” que fam os dirigentes da esquerda espanhola (ou pró-espanhola), quando tentam advertir-nos sobre a natureza do nacionalismo catalám: “é burguês!”, “representa a burguesia!”, “nom garante a revoluçom socialista!”.

Publicado em Opiniom Própria

Na semana passada tivem ocasiom de desfrutar, por duas vezes, o filme do realizador haitiano Raoul Peck, sobre a etapa de formaçom de Karl Marx como militante e intelectual, até a publicaçom do seu Manifesto Comunista: O jovem Marx.

Publicado em Opiniom Própria

Quem somos | Info legal | Publicidade | Copyleft © 2010 Diário Liberdade.

Contacto: info [arroba] diarioliberdade.org | Telf: (+34) 717714759

Desenhado por Ritech

O Diário Liberdade utiliza cookies para o melhor funcionamento do portal.

O uso deste site implica a aceitaçom do uso das ditas cookies. Podes obter mais informaçom aqui

Aceitar