Publicidade

Diário Liberdade
Quinta, 17 Agosto 2017 11:14 Última modificação em Segunda, 21 Agosto 2017 02:22

Trabalhadores e trabalhadoras de Alcoa manifestam-se em defesa do emprego e da segurança

Avalie este item
(0 votos)
País: Galiza / Laboral/Economia / Fonte: CIG

Reclamam a readmissom do companheiro despedido após o acidente de junho.

Os trabalhadores e as trabalhadoras de Alcoa realizárom umha manifestaçom a primeira hora desta quinta-feira para exigir que se readmita um companheiro despedido, depois do acidente registado na fábrica de Sam Cibrao no passado dia 20 de junho. A marcha desenvolveu-se com a palavra de ordem "Pola defesa dos postos de trabalho. O despedimento nom é a soluçom".

A direçom, segundo explica o presidente do Comité, Xosé Paleo, culpabilizou em exclusiva o trabalhador polo acidente no que outro operário resultou ferido grave. Porém, esclarece, no relatório elaborado pola representaçom social para a Inspeçom de Trabalho, demonstra-se que o operário despedido cometeu (do ponto de vista da segurança) umha falta, mas esta nom foi a causa raiz do acidente.

A origem da condensaçom de vapor que provocou queimaduras graves no operário está na presença de umha válvula que qualificam de fantasma", já que nem tem denominaçom nem está recolhida em nengum plano.

Esta válvula foi instalada há cinco anos para a realizaçom de umhas provas e abrira-se quinze dias antes do acidente para a realizaçom de novos testes, ficando aberta. "Mas a empresa nom di nada da presença desta válvula no seu relatório", denuncia Paleo, "ao invés, apanha o companheiro como cabeça de turco", aplicando-lhe a sançom mais dura: o despedimento.

Neste senso, lembra que poucos dias antes tinha acontecido um acidente mortal nas instalaçons da Marinha, daí que se tema que a decisom de despedir o trabalhador tenha um caráter mais exemplarizante e para alijar culpas, do que de interesse real por apurar responsabilidades e corrigir deficiências na prevençom e na segurança. Por isso parte do motivo da mobilizaçom de hoje seja denunciar que "o despedimento nom é a soluçom".

Medidas de pressom

Apesar das tentativas do Comité para chegar a acordos e que ponham outro tipo de sançom ao companheiro, a Direçom nom recuou na sua decisom. Face a isto, o pessoal acordou desenvolver nesta quinta-feira umha manifestaçom, entre as 07:30 e as 09:00 horas, que partiu da saída do cruzamento de subministraçom e ocupou as três entradas à fábrica.

Mas também, iniciar açons de pressom como a nom realizaçom de horas extraordinárias -exceto as que forem de força maior-; cumprir as normas de procedimento a 100%; denunciar qualquer pressom para realizar  o trabalho saltando-se as normas; nom assinar permissons de acesso por quem nom tiver responsabilidade de comando ou sem verificar que se cumpre a 100% a consignaçom; nom assinar a formaçom que nom se realiza; ou nom dobrar ou alterar turnos a pedido da empresa, entre outras questons.

Diário Liberdade é um projeto sem fins lucrativos, mas cuja atividade gera uns gastos fixos importantes em hosting, domínios, manutençom e programaçom. Com a tua ajuda, poderemos manter o projeto livre e fazê-lo crescer em conteúdos e funcionalidades.

Doaçom de valor livre:

Microdoaçom de 3 euro:

Adicionar comentário

Diário Liberdade defende a discussom política livre, aberta e fraterna entre as pessoas e as correntes que fam parte da esquerda revolucionária. Porém, nestas páginas nom tenhem cabimento o ataque às entidades ou às pessoas nem o insulto como alegados argumentos. Os comentários serám geridos e, no seu caso, eliminados, consoante esses critérios.
Aviso sobre Dados Pessoais: De conformidade com o estabelecido na Lei Orgánica 15/1999 de Proteçom de Dados de Caráter Pessoal, enviando o teu email estás conforme com a inclusom dos teus dados num arquivo da titularidade da AC Diário Liberdade. O fim desse arquivo é possibilitar a adequada gestom dos comentários. Possues os direitos de acesso, cancelamento, retificaçom e oposiçom desses dados, e podes exercé-los escrevendo para diarioliberdade@gmail.com, indicando no assunto do email "LOPD - Comentários".

Código de segurança
Atualizar

Publicidade

Quem somos | Info legal | Publicidade | Copyleft © 2010 Diário Liberdade.

Contacto: info [arroba] diarioliberdade.org | Telf: (+34) 717714759

Desenhado por Ritech

O Diário Liberdade utiliza cookies para o melhor funcionamento do portal.

O uso deste site implica a aceitaçom do uso das ditas cookies. Podes obter mais informaçom aqui

Aceitar