Publicidade

Diário Liberdade
Sexta, 07 Dezembro 2018 22:03

Um mundo em pedaços, mas que caminha!

[Elaine Tavares] Darcy Ribeiro já mostrou, através de seus inúmeros livros, que é a fazenda que dá início à sociedade brasileira. E a fazenda é coisa que se fez e se consolidou única e exclusivamente por conta da escravidão. Primeiro com a escravidão dos indígenas e, depois, a dos negros. Os brancos, invasores, não queriam saber de trabalho. Matavam os índios, ocupavam as terras, cultivavam com as técnicas mais rudimentares, esgotavam o solo e partiam para outra fazenda. A imensidão do “mundo novo” parecia não ter fim. A lógica da fazenda criada nas américas era o nascedouro do sistema capitalista, pois tinha uma organização empresarial que integrava a mão-de-obra numa única unidade operativa destinada a produção para o grande mercado, sob o comando de um patrão, que visava lucros. “O novo mundo não era uma nação, era uma feitoria”. 

Publicado em Mundo

[Vinicius Mansur] O Supremo Tribunal Federal (STF) impediu a reintegração de posse de dois acampamentos Guarani e Kaiowá em Caarapó (MS) nesta segunda-feira (9). A decisão da ministra e presidenta do tribunal, Carmen Lúcia, foi tomada em resposta a dois pedidos feitos pela Fundação Nacional do Índio (Funai). A resolução suspende qualquer despejo dos indígenas até que se conclua o julgamento dos processos relativos a estas áreas em primeira instância.

Publicado em Brasil

[Ruy Sposati e Tiago Miotto] Dois acampamentos Guarani e Kaiowá poderão ser violentamente despejados pela polícia nesta segunda-feira (9) em Caarapó (MS), no mesmo local onde foi assassinado o indígena Clodiodi Aquile de Souza, em 2016. A Polícia Federal deverá convocar a Polícia Militar para realizar a ação, prevista para iniciar às 6 da manhã.

Publicado em Brasil

[Roberto Bitencourt da Silva] Em meio às notícias de horror e de ameaças de extermínio das populações indígenas, como recentemente ocorrido no Maranhão, notícias que nos chegam parca e timidamente das regiões distantes do nosso autocentrado mundo sudestino, não é exagero afirmar que os graves problemas que envolvem os nossos coirmãos pátrios são absolutamente desprezados pelas luzes da agenda midiática massiva e comercial. Ocioso mencionar as razões.

Publicado em Opiniom Própria

Veja video da violenta ação da Guarda Municipal. A família indígena estava trabalhando no momento, vendendo seus artesanatos e produtos numa das principais e mais movimentadas ruas de Caxias do Sul.

Publicado em Brasil

[Ilka Oliva Corado, Tradução de Raphael Sanz] Faz umas semanas que nos Estados Unidos, como na maioria dos países latino americanos, foi celebrado o dia de Cristóvão Colombo, e se realizaram atividades nas escolas. E foi feriado. Nos Estados Unidos, novembro é o mês dos Povos Nativos desde 1990. Como o papel aguenta com tudo, se diz que é para comemorar o aporte dos estadunidenses provenientes dos povos originários.

Publicado em Opiniom Própria

Com a proximidade do fim do ano se inicia a temporada de festivais de cinema no Brasil. Entre eles, a segunda edição do Aldeia SP-Bienal de Cinema Indígena a partir

Publicado em Brasil

Apesar dos direitos conquistados pelos povos indígenas com a Constituição Federal de 1988 e pactos internacionais, essa população continua sofrendo violações diariamente.

Publicado em Brasil
Segunda, 04 Julho 2016 18:09

O indígena, aquele que deve morrer

A questão indígena é um problema que nunca foi equacionado nas políticas públicas brasileiras. Artigo de Leonardo Boff.

Publicado em Brasil
Sábado, 28 Mai 2016 06:35

Os "afro-indígenas" e o racismo

[Norberto Liberator Neto] A discriminação ignorante de quem desconhece o longo processo de miscigenação dos indígenas.

Publicado em Brasil
Página 1 de 2

Quem somos | Info legal | Publicidade | Copyleft © 2010 Diário Liberdade.

Contacto: info [arroba] diarioliberdade.org | Telf: (+34) 717714759

Desenhado por Ritech

O Diário Liberdade utiliza cookies para o melhor funcionamento do portal.

O uso deste site implica a aceitaçom do uso das ditas cookies. Podes obter mais informaçom aqui

Aceitar